segunda-feira, novembro 17, 2008

"O meu guri"

Chega estampado, manchete, retrato
Com venda nos olhos, legenda e as iniciais
Eu não entendo essa gente, seu moço
Fazendo alvoroço demais
O guri no mato, acho que tá rindo
Acho que tá lindo de papo pro ar
Desde o começo, eu não disse, seu moço
Ele disse que chegava lá
Olha aí, olha aí
Olha aí, ai o meu guri, olha aí
Olha aí, é o meu guri
(Chico Buarque de Holanda)

2 comentários:

Alana Carla disse...

Adorei a foto e a poesia casou bem com ela, parceria perfeita, Chico Buarque e Raul Spinassé, lindo!

shaynebccoelho disse...

Quanto mais passa o tempo é que percebo graça,dor,esperança na foto da realidade que vejo... e vejo mais um jovem talentoso de uma alma pura são poucos que conseguem vê como você,te admiro pela coragem de expor na arte das imagens o teu coração de menino.Capaz de mudar e muito esse mundo de dor.